• Gabriela Morais

Recrutamento e seleção: Como estabelecer um bom processo?

Atualizado: 14 de fev.


A diferenciação das organizações de sucesso em um mercado competitivo passa pelo planejamento e gestão estratégica de pessoas. Hoje mais do que nunca, já ficou claro que encontrar o talento certo para fazer parte do time de colaboradores é fundamental para construir uma empresa de destaque no mercado. É aí que entra a importância de um processo de recrutamento e seleção estruturado e alinhado com os objetivos da organização. Você sabe como implantar um bom processo de R&S na sua empresa?


Recrutamento e seleção nada mais é que um processo da área de Recursos Humanos que tem a função de atrair e escolher o profissional ideal para um determinado cargo. O grande desafio aqui é garantir que os valores e a maneira de trabalhar do candidato tenham a ver com a cultura organizacional, para colherem benefícios em curto, médio e longo prazos.


O planejamento é o segredo para fazer essa movimentação de forma estruturada, com custos mais baixos, maior agilidade e assertividade nas contratações. Conheça abaixo as etapas de um processo bem estruturado de recrutamento e seleção:


Definição das vagas


Em primeiro lugar, antes das etapas visíveis do R&S, é essencial compreender cada vaga a ser preenchida (formação requerida, habilidades técnicas, competências, perfil comportamental...) alinhando as informações com o gestor da área que solicita a vaga. Quanto mais detalhes você tiver neste momento, mais dinâmico será o processo lá na frente.


Participar das decisões sobre a abertura de tais vagas também é papel do profissional de RH. É ele quem deve ajudar a identificar se realmente há necessidade de criação de uma vaga ou se as necessidades do setor são outras. A criação de novas posições pode não ser a solução do problema. Ademais, ter uma visão geral da provisão de vagas por determinado período por parte do RH facilita a organização com relação às outras demandas do dia a dia.


O melhor método de R&S para sua empresa


Com um planejamento bem consolidado, a próxima etapa é definir quais métodos serão utilizados tanto para recrutar candidatos quanto para selecionar colaboradores. Você pode, por exemplo, precisar do apoio da equipe de marketing na divulgação ou investir recursos financeiros na aplicação de um teste psicológico.


Escolher a melhor metodologia vai depender da urgência e da quantidade de vagas que a empresa tem disponível. Geralmente, as empresas têm algumas etapas básicas que são replicadas em todos os processos seletivos. Mas é preciso saber identificar quando usar técnicas diferentes e quais métodos podem enriquecer o processo. Canais online (como o LinkedIn e o Banco Nacional de Empregos – BNE) disponibilizam as vagas para os candidatos e facilitam a busca do RH por currículos.


Também deve ser considerado terceirizar o processo, principalmente se a equipe de RH é pequena ou Inexistente. Terceirizando o processo, você delega toda a parte burocrática e fica com tempo para analisar pontos estratégicos, como remuneração, treinamentos e imersão na cultura da empresa.


Organização é tudo


Ainda que você terceirize o recrutamento e seleção, você já sabe que a contratação vai demandar bastante tempo. Organize o processo, como você faria com qualquer outro projeto. Para isso, alguns itens são essenciais:

· Estipule um prazo máximo ara fechar as contratações. Estabeleça também o prazo de recebimento dos currículos. Assim, você mantém o foco somente nos candidatos que se apresentaram dentro do prazo estipulado.

· Qual será o formato do processo seletivo? As fases, as dinâmicas, as entrevistas etc. Coloque datas e horários para concluir todas as fases da sua seleção. Não esqueça de eleger os membros da equipe que precisam participar de cada fase, para que também possam organizar suas agendas.

· Defina como será feita a comunicação com os candidatos em todas as fases acima: email, telefone, WhatsApp. É fundamental dar retorno a todos eles.


Avaliação dos resultados


Analisar e avaliar os resultados depois que a pessoa foi destinada ao seu cargo é uma etapa crucial. Ela serve para munir o próprio setor de RH de informações para a melhoria contínua. Essa avaliação é feita por meio de indicadores, cujos mais utilizados são: quantidade de currículos recebidos dentro do perfil, tempo de contratação, custo de contratação e rotatividade em novas contratações. Reflita sobre quais destes e outras possíveis variáveis se aplicam à realidade do seu processo e colete-as de forma regular. Ao longo do tempo, você conseguirá construir bases de comparação, estabelecer metas e refinar o seu processo de R&S.


Agora que você já sabe como otimizar o processo de seleção na sua empresa, é hora de colocar todas estas ideias em prática! Reveja os passos do seu processo atual, encontre pontos de melhoria e envolva os gestores na mudança. A sua empresa ou seu cliente só tem a ganhar!


#recrutamento #emprego #rh #vagas #recursoshumanos #empregos #oportunidade #vagasdeemprego #curriculo #recruitment #carreira #selecao #vaga #jobs #mercadodetrabalho #gestaodepessoas #job #recrutamentoeselecao #oportunidades #vagadeemprego #oportunidadedeemprego #estagio #empresas

2 visualizações0 comentário