• Gabriela Morais

Recrutamento Online: vantagens e desafios do processo

Atualizado: 14 de fev.


O RH tem passado por grandes transformações, integrando novas tecnologias para otimizar os resultados das tarefas diárias e utilizando o recrutamento online como a única ou principal forma de contato com os candidatos, onde as etapas - desde o anúncio da vaga até a entrevista - passaram a ser aplicadas à distância. Essa tendência ganhou ainda mais força com a pandemia do COVID-19, em que muitos processos passaram a ser digitalizados. Você já parou para analisar as vantagens do recrutamento online? Ele seria apropriado como metodologia para a sua empresa?


Levando em conta que o recrutamento é realizado pela internet, os anúncios em jornais, agências terceirizadas e outras formas que requerem um investimento mais alto na hora de captar candidatos podem ser eliminados (a redução de custos é sempre fundamental, não é mesmo?). Os anúncios digitais, além de mais baratos, podem ser transmitidos com eficiência para atingir públicos segmentados. Existem inúmeras ferramentas para pulverizar as vagas em portais específicos direcionados e conseguir um bom volume de interessados.


Valendo-se da posse de currículos que chegam através da internet, é possível construir e alimentar um banco de talentos da empresa, em detrimento às pilhas de currículos de papel. Todos os candidatos inscritos, em diferentes áreas, podem fazer parte de um banco único para que a empresa possa acessar na hora de demandas.


A triagem de currículos é um fator relevante no processo digitalizado, no caso de haver uma plataforma de inteligência artificial que indica os melhores candidatos para cada vaga. A seleção torna-se muito mais rápida e inteligente. Filtros podem te ajudar a encontrar os candidatos que está procurando. A filtragem pode ser bem objetiva, através de palavras-chave, ou ainda por habilidades buscadas, área de formação e até mesmo tempo de experiência.


Já com relação à seleção, pela internet é possível realizar testes de personalidade, entrevistas a distância (via Zoom, por exemplo), provas de raciocínio lógico, de proficiência em uma segunda língua, análise de perfis nas redes sociais, entre outros. Com estas informações, é possível reunir mais insumos para a análise de candidatos.


É claro que também existem desvantagens no processo de recrutamento online, que devem ser bem gerenciadas pela organização. O processo de recrutamento online tende a ser mais impessoal, e a impessoalidade pode gerar uma leitura menos correta do candidato por parte do gestor. Um artifício para driblar a impessoalidade costuma ser a personalização dos campos a serem preenchidos, perguntas relacionadas ao perfil dos candidatos carregamento de fotos etc. Isso pode conferir mais personalidade no momento do preenchimento, levando o candidato a entender que ele é relevante e não apenas mais um na fila do pão.


O objetivo maior é realizar pontos de contato com seus candidatos, através de uma comunicação próxima e amigável. Atitudes como indicar as próximas etapas e gerar feedbacks claros, mostrar interesse e velocidade na resolução de dúvidas precisam ser uma prioridade.


Em que pese as vantagens e desvantagens do recrutamento online, não restam dúvidas de que automatizar ações burocráticas e criar metodologias ágeis são as principais chaves de melhorias no processo seletivo. A tecnologia permite análises sem perda de tempo, com menores custo e mais assertividade. Ou seja, otimizar o processo significa também acompanhar as tendências de RH e do comportamento de candidatos, para entregar processos seletivos de alto valor e alinhados com as necessidades do mercado.


#potenciale #potencialerh #entrevistaonline #entrevista #entrevistas #entrevistadeemprego #emprego #curriculumvitae #mercadodetrabalho #vagadeemprego #curriculo #empregos #recrutamentoonline #recrutamentoeselacaoonline #entrevistasdeemprego #carreira #interviewday

0 visualização0 comentário