• Gabriela Morais

People Analytics: utilizando tecnologia no RH para tomar decisões mais assertivas.

Atualizado: Mar 18


Veja nesse blog post, como utilizar sua base de dados sobre os colaboradores de forma a gerar insights que podem te ajudar a otimizar e melhorar os seus resultados:

Não é novidade para ninguém que a informação é o bem mais precioso nos dias de hoje para qualquer negócio prosperar. Com o avanço da tecnologia, o conceito de Big data passou a ser bastante difundido e vem sendo cada vez mais utilizado pelas empresas na área de marketing, inteligência de negócios e por que não no RH?


A metodologia People Analytics é muito mais do que empregar tecnologia, ela nos faz refletir sobre como desenvolver uma cultura analítica no RH, para tomar decisões mais efetivas. O princípio é a coleta, organização e análise de dados relacionados à gestão de pessoas de uma empresa, afim de esclarecer e obter insights poderosos sobre o papel de um indivíduo dentro de uma empresa.


Não está necessariamente relacionada a tecnologia, pois a coleta de dados pode acontecer através de informações do dia dia, como marcação de ponto, que nos entrega a informação de horas trabalhadas, a folha de pagamento, que nos entrega insights sobre média de remuneração, custos e assim por diante. Vale ressaltar, que toda e qualquer informação que seja possível de coletar sobre um colaborador de forma estruturada pode gerar insights poderosos. O objetivo destas iniciativas não é vigiar os colaboradores, e sim compreendê-los na sua totalidade: suas habilidades, anseios e que os engaja de modo a desenvolver estratégia em cima disso.


Utilizar dados para orientar o processo de gestão de pessoas dentro de uma empresa proporciona vantagens que estão diretamente ligadas com a geração de resultados e o estabelecimento de melhores relações entre a força de trabalho e a empresa. Fica mais fácil de criar um trilha de carreira, de descobrir o que motiva os profissionais, de contratar de forma mais inteligente, de obter um melhor acompanhamento de produtividade e por fim, de tomar decisões de forma mais estratégica e assertiva.


Por fim, você deve estar se perguntando: mas como implementar o People Analytics?


Determine os seus objetivos: O passo inicial é levantar as principais dores dos processos internos para se definir o que pretende-se gerar de dados e insights com a análise e cruzamento de dados.


Inicie a coleta dos dados: É necessário iniciar a coleta das informações que serão relevantes com base nos objetivos estabelecidos, mas calme! Sair coletando dados de forma desestruturada não te ajudará a gerar informações relevantes. Utilize o apoio de softwares para fazer essa coleta e estruturação, afim de gerar insights. Existem diversas ferramentas de BI no mercado, como por exemplo o Power BI da Microsoft.


Defina seus indicadores e trace seu plano: A partir destes dados, escolha os indicadores chaves de performance da sua força de trabalho, estabeleça metas a serem alcançadas e desenvolva um plano de iniciativas a serem realizadas para alcançar essas metas.


Por exemplo: Digamos que você almeja aumentar a produtividade de uma equipe: em seu painel de dados, você monitorará informações como tempo de resolução das tarefas, e deverá de acompanhá-los de forma sistemática, desenvolvendo iniciativas que visem melhorar condições de trabalho e formas de atuação, afim de reduzir o tempo médio e aumentar a produtividade.


A metodologia People Analytics, como já mencionado anteriormente, é muito mais do que apenas empregar tecnologia, é analisar dados com um propósito: o de entender melhor o papel dos colaboradores dentro de uma organização e estabelecer melhores condições e formas de atuação.


Se precisar de ajuda para formatar suas estratégia de People Analytics, a Potenciale possui metodologia customizada para cada negócio. Fale conosco!


#recursoshumanos #gestaodepessoas #emprego #vagas #trabalho #empreendedorismo #departamentopessoal #empresas #empregos #consultoria #vagasdeemprego #empresa #capitalhumano #carreira #peopleanalytics #analytics #bigdata #bi #analisededados #peopleanalytcisrh

21 visualizações1 comentário