• Gabriela Morais

Como o RH contribui para estabelecer uma cultura de inovação na empresa?


O RH inicia sua contribuição para a inovação da empresa ainda no recrutamento do colaborador e o acompanha em todo o seu desenvolvimento, por isso, o papel do RH é fundamental, dado sua importância na sensibilização e mobilização de pessoas para os objetivos estratégicos da organização.

Na prática, para aplicar a cultura de inovação na empresa, ela precisa estar atrelada a 4 principais vetores, os quais estão totalmente ligados com atividades exercidas, principalmente pelo RH. Vejamos:


1) MODELO MENTAL: é como as pessoas pensam, raciocinam e criam. Ele deve ser considerado na inovação, pois a inovação é fruto do ser humano criativo. E a criatividade está diretamente ligada ao modelo mental e, cabe ao RH promover ações de melhoria de clima organizacional, de valorização dos indivíduos, de respeito à pluralidade, de incentivo à autenticidade;


2) CULTURA ORGANIZACIONAL: a cultura organizacional, como qualquer cultura, se caracteriza como a maneira que as coisas acontecem. A mobilização para que a Cultura Organizacional abrace mais os desafios da Inovação deve ser feita pelo R.H, desde sua estratégia de recrutamento e seleção até o ser planejamento de ações de qualificação e desenvolvimento.


3) FERRAMENTAS PARA A INOVAÇÃO: é imprescindível ter funcionários capacitados em ferramentas que possibilitam conduzir alguns processos de criatividade e inovação por conta própria. Isto porque, aplicando-as através de multiplicadores internos pode ser útil para acelerar a maturação de ideias e projetos . O papel do R.H é de proporcionar este espaço , através de cronogramas, sensibilização dos participantes e ativar o engajamento do time.


sem a necessidade de contratar consultorias externas. Isto porque, conhecer e aplicar ferramentas de inovação pode ser útil para acelerar a maturação de ideias e projetos. O papel do RH neste ponto é definir a agenda de capacitações nas ferramentas, a fim de qualificar o pessoal em criatividade e inovação;


4) TIMES DE INOVAÇÃO: são as pessoas diretamente ligadas à inovação dentro da organização. Aqui o papel do RH é definir seus Times de Inovação, ou seja, definir a composição deste com base em análises de perfil comportamental do pessoal e alinhamento com os norteadores estratégicos pré- definidos.


O RH é a unidade mais diretamente relacionada à pessoas logo, todo o processo de Cultura de Inovação deve estar alinhado com o RH, ou seja, é RH que será voz ativa e articuladora que também deverá saber em que momentos deverá se desconstruir e reconstruir frente aos desafios e incertezas do caminho para a Cultura de Inovação.


#recursoshumanos #gestaodepessoas #emprego #vagas #trabalho #empreendedorismo #departamentopessoal #empresas #empregos #consultoria #vagasdeemprego #empresa #capitalhumano #carreira #dp #inovacao #culturaorganizacional #culturadeinovacao #inovacaonorh #rhinovador #rheinovacao

15 visualizações0 comentário